Tensão regressa a Maputo

2 09 2010

Apesar da noite calma e do dia ter amanhecido sem quaisquer movimentações, os tumultos estão a regressar aos poucos esta manhã, e há já notícia de mais um morto, apesar da policia não confirmar.

De resto, este cenário era esperado. Paulo Marçal, jornalista português a viver em Maputo, disse à NFM, que a manhã acordou calma, no entanto, tendo em conta o descontentamento provocado pelo aumento dos preços dos bens essenciais, aliado às declarações de ontem do presidente de Moçambique, o regresso dos protestos eram esperados.

O jornalista explica ainda que a forma como as pessoas se manifestaram não é a correcta, mas no país percebem-se as razões da revolta e do descontentamento e exemplifica com o aumento do preço do pão quando os salários se mantêm os mesmos.

 Em Maputo, com quase todos os estabelecimentos encerrados, há dificuldades em abastecer as viaturas com combustível. Nas poucas padarias abertas hoje de manhã formam-se longas filas.

Na periferia, há populares à procura de locais que vendam alimentos. São raros os locais abertos.

O Governo está reunido em sessão extraordinária do Conselho de Ministros.


Ações

Information

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s




%d bloggers like this: