“Maputo é uma cidade às moscas esta manhã” – Jornalista português em Moçambique

2 09 2010

A cidade de Maputo, que ontem foi alvo de protestos, amanheceu calma, mas a destruição é visível na capital moçambicana. “Maputo é uma cidade às moscas esta manhã”, disse à NFM, Paulo Marçal, jornalista português em Maputo.

Os protestos de ontem, causados pelo aumento dos preços dos bens essenciais, fez 10 mortos e mais de 50 feridos. A declaração de ontem do presidente moçambicano que acusava as pessoas de não terem consciência dos problemas que causaram, antevia um dia dificil esta quinta-feira, mas isso não se verificou, como explicou  à NFM, Paulo Marçal. “Maputo amanheceu calma, embora o cenário de destruição seja visivel um pouco por todo o lado”, disse, acrescentando que “apesar de ontem se antever um dia tumultoso, depois das declarações do presidente moçambicano, hoje não há movimentações”, explicou, referindo, no entanto, que o comércio e algumas instituições bancárias continuam fechadas esta manhã.

 


Ações

Information

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s




%d bloggers like this: