“José Saramago era uma voz indispensável a este país, porque era uma voz própria e estes valores são cada vez menores em Portugal” – diz responsável da Cão Menor

18 06 2010

A última vez que José Saramago esteve em Portugal foi no passado mês de Outubro, na apresentação do seu último livro “Caim”, na cidade de Penafiel.
Uma passagem por Portugal polémica, como tantas outras, onde se referiu à igreja e à biblia como “ um manual de maus costumes”.
A passagem por Penafiel deu-se no âmbito da iniciativa Escritaria, organizada pela editora Cão Menor. No dia da sua morte, a NFM falou com Manuel Andrade, da Cão Menor, que recordou o escritor como um homem sério, cuja a palavra valia mais que um documento assinado. Um homem que filosofava continuamente”.

José Saramago morreu, esta manhã, aos 87 anos na sua residência em Lanzarote, em consequência de uma múltipla falha orgânica, após uma prolongada doença.


Ações

Information

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s




%d bloggers like this: